kamagra soft tabs

HISTÓRIA

A Associação de Ténis de Mesa de Aveiro iniciou a sua actividade desportiva em 8 de Fevereiro de 1968, tendo em Carlos Manuel Ferreira Lebre de Barros, o principal fundador. Acompanharam-no nesta iniciativa  os elementos indicados, que se formaram em elenco directivo: Dr. Ademar Martins Raimundo, António Sucena, Carlos Barros, José Santos Pedro e Fernando Jesus Rocha, respectivamente Presidente, Vice-Presidente, Secretário Geral, Tesoureiro e Vogal.

As Entidades e Associações que acompanharam esta fundação foram, Ginásio Clube de Águeda, Grupo Desportivo da Mealhada, Clube de Albergaria, Grupo Musical da Macinhata da Seixa (Ol.Azemeis), Orfeão de Ovar, Associação Desportiva Ovarense, Grupo Atlético Vareiro, todos na época desportiva de 1968/69, depois incorporaram: Luso, Pampilhosa, Anadia, Tuna Mourisquense (Mourisca do Vouga), Clube Desportivo Paradela do Vouga, Clube Desportivo do Furadouro, Casa do Povo de Ovar.

Nos primeiros anos de actividade, foram organizados os Campeonatos Distritais nas categorias de Sénior, Júnior e Infantil, Masculino e Feminino; Taça Fundação; Taça de Portugal; Campeonatos em todos os escalões etários, Individual, Pares e Pares Mistos; Torneio Encerramento, com convívio de atletas, dirigentes, órgãos sociais, entidades oficiais, entre as quais, Presidente da Câmara Municipal de Águeda; Comandante dos Bombeiros Voluntários de Águeda; Comandante da G.N.R. de Águeda; Pároco de Águeda; Dr. Vale Guimarães, Governador Civil de Aveiro.

Neste período, os responsáveis da Associação de Ténis de Mesa de Aveiro, tudo fizeram para promover a divulgação da modalidade de ténis de mesa em todo o distrito, participando nos  campeonatos nacionais e em torneios abertos. Os dirigentes de então sempre tiveram como objectivo o apoio inequívoco aos clubes filiados na Associação de Ténis de Mesa de Aveiro, que se manteve sediada em Águeda até Agosto de 1972.

A partir desta data, e por abandono da quase totalidade do elenco directivo, por vontade de alguns clubes filiados, nomeadamente, Orfeão de Ovar, Associação Desportiva Ovarense, Grupo Atlético Vareiro, Grupo Musical da Macinhata da Seixa, Clube Desportivo do Furadouro, Casa do Povo de Ovar, entre outros, garantiram a continuidade do trabalho da Associação de Ténis de Mesa de Aveiro, sediando-a em Ovar, na Rua Cândido dos Reis.

Com a Associação de Ténis de Mesa de Aveiro instalada em Ovar, os novos dirigentes preocuparam-se de imediato em criar Estatutos, Regulamento Interno, Regulamento de Provas e demais documentação, a fim de dar a conhecer às associações e clubes do distrito a sua estrutura orgânica. Com estatutos e regulamentos aprovados em assembleias gerais, dentro do âmbito da lei, a Associação de Ténis de Mesa de Aveiro foi desenvolvendo a sua missão em crescimento permanente.

A Associação de Ténis de Mesa de Aveiro, como membro efectivo da Federação Portuguesa de Ténis de Mesa, foi apetrechando-se ao longo do tempo de toda a documentação que regula todos os procedimentos inerentes à sua actividade, sentindo-se na obrigação de publicar os seus estatutos, o que veio a acontecer no Diário da República nº 49, III Série, de 29-02-1990, tendo como fins principais: “Dirigir, promover,  incentivar e regulamentar na área da sua jurisdição a prática do ténis de mesa; Proteger e defender os legítimos interesses dos clubes filiados e respectivos atletas”. Com este acto, a Associação de Ténis de Mesa de Aveiro é definitivamente a entidade responsável pela prática desportiva do ténis de mesa no distrito.

Nas últimas dez épocas desportivas, 1992 a  2001, inscreveram-se na Associação de Ténis de Mesa de Aveiro, 1510 atletas em todos os escalões etários, representando 26 clubes, de norte a sul do distrito, que participaram nos Campeonatos Regionais, Taça de Portugal, Torneios Abertos e Campeonatos Nacionais.

A Associação de Ténis de Mesa de Aveiro, tem vindo a realizar ininterruptamente, todos os Campeonatos Distritais, de acordo com o Regulamento Geral de Provas, além do Torneio de Abertura, Torneio Encerramento e Torneio Absoluto, este  na origem de um Protocolo de Colaboração Financeira com o Governo Civil de Aveiro, que teve o seu início na época de 1993/94.

Pelo trabalho desenvolvido ao longo de todos estes anos em prol do desporto, da juventude e de todos aqueles que de algum modo estão ligados ao fenómeno desportivo, a Presidência do Conselho de Ministros conferiu o diploma de pessoa colectiva de utilidade pública, nos termos do Decreto-Lei nº 460/77, de 7 de Novembro, conforme consta do despacho publicado no “Diário da República”, II série, nº116 de 18 de Maio de 2004, à Associação de Ténis de Mesa de Aveiro.

SÓCIOS DE MÉRITO E HONORÁRIOS DA ATMA
• Francisco Luis Marques
• Engº José António Ferreira Guimarães Correia
• Adão Tavares Pinto
• José Jesus Pereira Soares
• Manuel Duarte Santos Catarino
• António de Pinho Fonseca
• Manuel Gonçalves Ferreira
• João Carrudo Ildefonso
• Helder Fernando Abrantes Rocha
• António Ruivo Oliveira
• José Silva Ribeiro Lima
• Carlos Manuel Ferreira Lebre de Barros (falecido)